Olá, leitores da Mestre. Determinar o que é um verdadeiro indicador de resultados de cada área da agência nem sempre é simples. Por isso, neste artigo, vamos mostrar boas formas de conseguir mensurar indicadores quantitativos e qualitativos, para que eles demonstrem quanto seus conteúdos est?o atendendo às expectativas do cliente.?

Dê o play e confira!

O que s?o indicadores quantitativos e qualitativos?

Os indicadores tanto quantitativos como qualitativos s?o os fatores que mostram se as estratégias adotadas est?o surtindo resultados.

Na hora de definir os indicadores, é importante n?o só tirar as ideias da sua cabe?a, mas também saber quais s?o os pontos importantes para os seus clientes. Ent?o, entre em contato e fa?a esse questionamento para eles.

Por que usar indicadores quantitativos e qualitativos?

Em uma das reuni?es de feedback da Mestre, os profissionais levantaram o seguinte ponto: o que realmente é um indicador para cada área da agência?

Em SEO, por exemplo, o tráfego organico mostra se uma estratégia está ou n?o dando resultados. Em compra de mídia, o alcance de pessoas e a gera??o de leads também podem mostrar a “saúde” do projeto.?

Mas, em áreas como conteúdo e design, os indicadores de resultado s?o menos objetivos, o que torna mais difícil saber se as estratégias est?o dando certo e se o cliente está satisfeito com o investimento.

Nesse debate, nós chegamos a algumas ideias do que s?o indicadores quantitativos e indicadores qualitativos e quais as melhores formas para mensurá-los. Veja:

Indicadores quantitativos

Os indicadores quantitativos se referem ao volume de entrega, entrega no prazo e aumento no número de visitas no site ou blog. Esses fatores s?o objetivos e fáceis de quantificar, mas para que eles mostrem, de fato, se o resultado está satisfatório, é preciso avaliar, também, se os números est?o atendendo às expectativas do cliente.

Talvez você ache que está entregando um volume bom de artigos ou layouts e consiga mostrar que houve um aumento de tráfego no site, mas os resultados que para você s?o bons, podem n?o ser positivos para o cliente.

O ideal é que o método que você usa para medir os seus indicadores una itens objetivos e subjetivos. Assim, fica mais fácil tangibilizar as partes mais difíceis de mensurar, além disso, que consiga avaliar a satisfa??o naqueles itens que s?o mais fáceis de quantificar.

Indicadores qualitativos

Já os indicadores qualitativos s?o itens como: o cliente gostou ou n?o de um layout? O conteúdo de um artigo está adequado para a persona a quem ele é direcionado? E um artigo ou um layout está alinhado com a linguagem que o cliente costuma usar?

O problema desses indicadores é que eles s?o bastante subjetivos e os feedbacks do cliente, do tipo: “gostei” ou “está alinhado”, n?o s?o “palpáveis”. Além disso, n?o oferecem uma base de compara??o eficiente.

Conversando com as equipes de design e de conteúdo, o que nós entendemos é que uma boa forma de conseguir um indicador qualitativo sólido para essas áreas é oferecer aos clientes uma escala, de 0 a 10, por exemplo, que mostre o quanto um layout ou um texto atende ao que ele espera.

Isso também é muito importante para que se crie um histórico dos resultados que têm sido conseguidos.

Qual ferramenta usar para conseguir esses indicadores

Você pode estar se perguntando: “mas que ferramenta posso usar para adotar essas formas de mensurar meus indicadores quantitativos e qualitativos?”.

Aqui na agência, nós usamos o Google Forms. Ele é simples de usar e pode ser incorporado ao e-mail. Basta você criar sua escala e enviar para o cliente. Se ele usar Gmail, poderá, inclusive, enviar a resposta diretamente no formulário.

Esperamos que este artigo tenha sido útil pra você! Qualquer dúvida sobre indicadores quantitativos e qualitativos, deixe nos comentários. E para receber mais conteúdos como esse, continue aqui no blog da Agência Mestre!?